VOLTAR

Um-dois, um-dois: são os índios que vão virar soldado

Estado de Minas (Minas Gerais - MG)
16 de nov de 1969

Com o fim do SPI e criação da Funai, surge o primeiro destacamento da Guarda Rural Índígena. A criação de uma guarda rural oficial surge a partir da experiência no município de Maxakali de uma guarda não oficial, com a função de facilitar o contato e o trabalho com os índios, uma vez que a chegada dos brancos nas aldeias se daria de forma sempre abusiva, sendo o próprio contato uma forma de "corromper" os índios, segundo o capitão Manoel dos Santos Pinheiro, chefe do setor Minas-Bahia da Funai. Os indígenas que compunham a guarda receberam treinamentos de educação moral e cívica, instrução de política, armamento e tiro, etc. e a escolha dos indígenas a compor se dá pela capacidade de liderança dentro da tribo e ligados por laços de parentesco com a sucessor do cacique.

As notícias aqui publicadas são pesquisadas diariamente em diferentes fontes e transcritas tal qual apresentadas em seu canal de origem. O Instituto Socioambiental não se responsabiliza pelas opiniões ou erros publicados nestes textos. Caso você encontre alguma inconsistência nas notícias, por favor, entre em contato diretamente com a fonte.