VOLTAR

A origem milenar dos Tucanos

O Globo (Rio de Janeiro-RJ)
Autor: Maurício Zagari
29 de mai de 1995

Estudo publicado na revista francesa "L'Antropologie" pela paleontóloga Patrícia Sotto Heim, do Museu do Homem em Paris, indica que o povo Tukano foi pioneiro na ocupação do território da América do Sul como um todo, especialmente na região brasileira. A teoria aponta indícios de que os índios Tukano seriam descendentes do Homem da Lagoa Santa, os fósseis mais antigos de um humano encontrado no Brasil. A paleontóloga comaparou os fósseis com esqueletos encontrados da Patagônia ao México, e, os únicos que possuíam estruturas equivalentes eram, justamente, os dos Tukano. Essa nova pesquisa corrobora com a tese desenvolvida pela arqueóloga Maria Beltrão, diretora do Serviço de Arqueologia do Museu Nacional, que defende que os Tukano dominaram a América do Sul há 30 mil anos e recuaram para a região da Colômbia há 4 500 anos.

As notícias aqui publicadas são pesquisadas diariamente em diferentes fontes e transcritas tal qual apresentadas em seu canal de origem. O Instituto Socioambiental não se responsabiliza pelas opiniões ou erros publicados nestes textos. Caso você encontre alguma inconsistência nas notícias, por favor, entre em contato diretamente com a fonte.