VOLTAR

"O Pantanal é Aqui" começa quinta-feira no Norte Sul Plaza

MS notícias - http://www.msnoticias.com.br
15 de ago de 2012

O Instituto SOS Pantanal vai fazer o lançamento do evento "O Pantanal é Aqui", que acontecerá de 16 de agosto a 2 de setembro de 2012 na Praça de Eventos do Norte Sul Plaza, localizado na Avenida Ernesto Geisel, 2300 em Campo Grande/MS e apresentará ao público o resultado da Expedição Pantanal, realizada em 2011.

O evento vem para ampliar o que a população conhece sobre sustentabilidade de uma maneira diferente, inspiradora e alegre, utilizando arte, cultura e vai mostrar iniciativas concretas exemplares. Estas iniciativas são encontradas em propriedades, instituições de pesquisa, organizações não governamentais, associações e entre outros, que foram visitados pela Expedição Pantanal.

A primeira edição da exposição "O Pantanal é Aqui" será realizada nos dois estados que abraçam o Pantanal brasileiro, primeiramente em Campo Grande, Mato Grosso do Sul e posteriormente em Cuiabá, Mato Grosso, de 13 a 30 de setembro.

A programação do evento será divertida e educativa, receberá pessoas de todas as idades e visa mobilizar a sociedade pelo seu caráter informativo e interativo, com rodas de conversas, apresentações culturais e musicais, visitas monitoradas de escolas públicas e privadas, e contará com a exibição de fotos e vídeos da Expedição.

"O Pantanal é Aqui" aposta na ampliação do conhecimento da população em geral sobre o Pantanal, suas características e dinâmicas sociais, econômicas e ambientais. O evento tem foco em uma agenda positiva, demonstrando concretamente as boas práticas realizadas na região e as atitudes da sociedade pantaneira em prol da sustentabilidade, evidenciando de forma clara e objetiva os aspectos e dimensões observados ao longo da Expedição Pantanal.

Além das imagens feitas durante toda a expedição, o evento ainda contará com imagens cedidas pelo fotógrafo *Adriano Gambarini, fotógrafo especializado em documentar áreas remotas e apaixonado pelo Pantanal. *Gambarini é autor fotográfico de livros de arte e também escreve para o blog da National Geographic desde o início da revista no Brasil.

Para a sua realização, o evento conta com parcerias como a Fundação SOS Mata Atlântica, Fundação Toyota do Brasil, Toyota, Rede de Supermercados Comper, Blink 102 FM, Governo do Estado de Mato Grosso do Sul (Fundação de Turismo do Mato Grosso do Sul, Fundação de Cultura de Mato Grosso do Sul, Secretaria do Meio Ambiente de Mato Grosso do Sul), Centro de Pesquisa do Pantanal, Prefeitura Municipal de Campo Grande (Fundação Municipal de Cultura), Norte Sul Plaza - Campo Grande/MS, Pantanal Shopping - Cuiabá/MT e Universidade Federal de Mato Grosso do Sul.

A Expedição Pantanal

A "Expedição Pantanal" é um projeto que tem como principal objetivo trazer à luz iniciativas que cooperem para a sustentabilidade deste bioma. Constitui um mapeamento de iniciativas que contribuem para a conservação da região da Bacia do Alto Paraguai, reconhecendo e valorizando as boas práticas para apresentá-las à sociedade e ao poder público.

Não se trata, portanto, de uma avaliação do desempenho dos habitantes e produtores rurais do Pantanal. Sobretudo, é uma forma de valorizar os esforços que estes fazem para se manterem viáveis e sustentáveis simultaneamente, podendo servir de exemplo para outros interessados.
A metodologia aplicada tem como base a percepção socioambiental, e possibilita uma análise rápida das atividades dos pantaneiros identificando quais são as boas práticas por meio de conversas prazerosas conduzidas pela equipe de expedicionários. Esse diagnóstico também possibilita a percepção de atividades que atendem aos princípios de sustentabilidade, identificando se as boas práticas alcançadas estão mais associadas com a dimensão ambiental, social ou econômica.

Os dados levantados na Expedição 2011 permitem uma leitura inicial sobre a situação da sustentabilidade na região e, a partir dos estudos de caso, a valorização e disseminação de práticas positivas e replicáveis. Assim, o Instituto promove a gestão do conhecimento e a disseminação de informações de forma clara, visando desencadear e acelerar os impactos positivos para a conservação e desenvolvimento sustentável do Pantanal.

O Instituto

O Instituto Socioambiental da Bacia do Alto Paraguai SOS Pantanal é uma organização não governamental, privada, sem vínculos partidários ou religiosos e sem fins lucrativos. Lançada em julho de 2009 tem a missão de informar e promover o diálogo para um Pantanal sustentável. Sua estrutura organizacional é composta por 30 conselheiros que se dividem em Conselho Diretor, Conselho Fiscal e Conselho Técnico Científico Político.

Com representantes dos diversos setores da sociedade pantaneira, o SOS Pantanal surge em um momento especial em que a necessidade da gestão do conhecimento e do diálogo intersetorial são fundamentais para a conservação da biodiversidade e dos recursos naturais do planeta. Esta nova proposta chega para somar com outras iniciativas da região, com o intuito de tornar-se uma ferramenta fundamental para facilitar o diálogo.

O Instituto promove a gestão do conhecimento e a disseminação de informações de forma clara, alcançando os principais stakeholders (governos, formadores de opinião, grandes empreendimentos, fazendeiros e pequenos proprietários de terra da região) e a população em geral, buscando sensibilizá-los e desencadear impactos positivos para a conservação e desenvolvimento sustentável do Pantanal.

*Adriano Gambarini é fotógrafo desde 1992 e possui vasta experiência em fotografia de expedições a regiões remotas. Autor fotográfico de onze livros de arte, documenta Planos de Manejo de Unidades de Conservação, Projetos de Estudo de Impacto Ambiental e Expedições Científicas de Organizações não-governamentais (ONGs) como WWF, Conservation International (CI), Institutos Pró-Carnívoros e Terra Brasilis, ICMBIO/Ibama etc.

Fotógrafo da National Geographic Brasil, colabora para as principais revistas do país e já publicou em revistas internacionais como National Geographic, Mercator's World e GEO Magazine. Administra e licencia seu foto arquivo com mais de 140 mil imagens do Brasil, Antártida e mais 18 países, com ênfase em biodiversidade, ecossistemas, cavernas, vida selvagem, modos de vida e cultura de grupos étnicos, arquitetura e cidades históricas.

Trabalhou como fotógrafo still de cinema para documentário na Discovery Channel no Brasil, França e Rússia, realizou coberturas jornalísticas on-line na Tailândia, Camboja, Laos, China e Quirguistão, foi editor fotográfico e articulista de guias de turismo. Gambarini é formado em Geologia pela Universidade de São Paulo, é espeleólogo e mergulhador desde 1987. Documentou importantes expedições para exploração e mapeamento de cavernas secas e submersas, e atualmente fotografa vários projetos de pesquisa com Bioespeleologia pelo Brasil. Tornou-se referência em fotografias de cavernas, produzindo as principais matérias para revistas e exposições fotográficas nos últimos quinze anos.
Para outras informações sobre o fotógrafo, acesse: http://www.fotoarte.art.br/o-artista/.

http://www.msnoticias.com.br/?p=ler&id=91234

As notícias aqui publicadas são pesquisadas diariamente em diferentes fontes e transcritas tal qual apresentadas em seu canal de origem. O Instituto Socioambiental não se responsabiliza pelas opiniões ou erros publicados nestes textos. Caso você encontre alguma inconsistência nas notícias, por favor, entre em contato diretamente com a fonte.