VOLTAR

Missionário diz que a política da Funai é vacilante

O Estado de S.Paulo (São Paulo - SP)
13 de mar de 1974

Padre José Vicente César, presidente do Cimi, criticou a vacilação e injustificável ignorância que se observa no trabalho da Funai, mesmo depois de aprovado o Estatuto do Índio, para por em prática a política indigenista brasileira. Além disso, elogiou o trabalho das missões religiosas junto aos povos indígenas e defendeu a integração lenta e harmoniosa dos índios na sociedade nacional.

As notícias aqui publicadas são pesquisadas diariamente em diferentes fontes e transcritas tal qual apresentadas em seu canal de origem. O Instituto Socioambiental não se responsabiliza pelas opiniões ou erros publicados nestes textos. Caso você encontre alguma inconsistência nas notícias, por favor, entre em contato diretamente com a fonte.