VOLTAR

Índios se armam para pedir que mineradoras paguem 'royalties'

Jornal do Brasil (Rio de Janeiro - RJ)
26 de out de 1990

Armados de escopetas e espingardas de grosso calibre, 40 índios da aldeia Kokraimoro invadiram na semana passada as mineradoras São Francisco e Canopus, localizadas no município de São Félix do Xingu, no sul do Pará. Em maio, as mineradoras foram adquiridas à Rhodia do Brasil pelo grupo Caeté Participações, de São Paulo, que tem como um dos sócios o atual secretário de Planejamento da Presidência da República, Marcos Fonseca. Os índios, com pintura de guerra, exigem pagamento de 'royalties' para permitir a exploração de cassiterita.

As notícias aqui publicadas são pesquisadas diariamente em diferentes fontes e transcritas tal qual apresentadas em seu canal de origem. O Instituto Socioambiental não se responsabiliza pelas opiniões ou erros publicados nestes textos. Caso você encontre alguma inconsistência nas notícias, por favor, entre em contato diretamente com a fonte.