VOLTAR

Índios morrem eletrocutados em Mãncio Lima no Acre

O Rio Branco - http://www.oriobranco.net/
25 de nov de 2010

Acidente aconteceu após a queda de um poste no Ramal do Barão onde está localizada a terra do Povo Poyanawa. Os dois índios seguiam em uma motocicleta com destino à sede do município quando se chocaram contra a rede de energia com descarga elétrica de 13 mil volts. O condutor do veículo ainda teve o pescoço espetado por um parafuso do poste.

A tragédia que abalou a população indígena do Vale do Juruá aconteceu no final da tarde de terça-feira (23). O condutor Núbio Araújo Lima, 27 anos e o garupeiro Sócrates Araújo Alves, 24, trafegam em uma moto Tintan 150. O choque com a rede de energia arriada na estrada de terra foi inevitável, eles tomaram uma descarga elétrica de 13 mil volts, informou um técnico da Eletrobrás. Em seguida ainda bateram contra o poste que também estava caído. Núbio Araújo ainda teve o pescoço espetado por um parafuso do suporte que segura à fiação elétrica.
A notícia se espalhou rápido pelas aldeias do Povo Poyanawa, centenas de índios em desespero cercaram os corpos e pareciam não acreditar no que estavam presenciando. A indígena Maria Enedir de Araújo, 47, mãe de Sócrates que era o garupeiro disse inconformada que os dois iam até a cidade buscar pó de serra.

Peritos que foram deslocados de Cruzeiro do Sul até o local, constataram que escavações na terra feita por moradores provocaram a queda do poste.

O gerente do escritório da Eletrobrás em Cruzeiro do Sul, José de Souza Melo disse que uma equipe que faz a manutenção das redes de energia nos ramais estava fazendo a podagem das árvores naquela área e que no dia seguinte seria feita a podagem naquele local e com certeza detectariam o problema. Ele falou também que a Eletrobrás está enviando um engenheiro para apurar o que ocasionou a queda do poste que aparentemente foi provocada por escavações feitas pelos moradores para retirar seixo usado em construções.

http://www.oriobranco.net/transito/8589-indios-morrem-eletrocutados-em-…

As notícias aqui publicadas são pesquisadas diariamente em diferentes fontes e transcritas tal qual apresentadas em seu canal de origem. O Instituto Socioambiental não se responsabiliza pelas opiniões ou erros publicados nestes textos. Caso você encontre alguma inconsistência nas notícias, por favor, entre em contato diretamente com a fonte.