VOLTAR

Índios discutem lucro econômico

A Crítica (Manaus - AM)
16 de out de 2001

Representantes indígenas de quase toda a região norte do país planejam se reunir para debater os mecanismos para a economia indígena, que não deixam de esbarrar em problemas antigos como a demarcação de terras. De acordo com uma perspectiva nativa, já seria um avanço se os brancos cumprissem as leis existentes. A Coiab e o Cimi devem estar à frente da discussão em questão, o Seminário sobre Economia da Reciprocidade.

A notícia também traz, entre outros pontos, a posição de Maria Miquelina Machado, do coletivo indígena Tukano, que fala sobre a importância da organização e da união. Nesse sentido, Elber Tapirapi comenta brevemente as diferenças encontradas entre índios e brancos.

As notícias aqui publicadas são pesquisadas diariamente em diferentes fontes e transcritas tal qual apresentadas em seu canal de origem. O Instituto Socioambiental não se responsabiliza pelas opiniões ou erros publicados nestes textos. Caso você encontre alguma inconsistência nas notícias, por favor, entre em contato diretamente com a fonte.