VOLTAR

Governo contesta recorde histórico de desflorestamento

O Globo (Rio de Janeiro - RJ)
28 de jan de 1998

O presidente Fernando Henrique Cardoso contestou ontem os resultados do levantamento do Programa de Avaliação de Desflorestamento (Prodes), que apontou um recorde histórico em 1995, com a devastação da Amazônia. O presidente afirmou que ainda que o Plano Real possa ter influenciado no desflorestamento da região, mas afirmou que o governo foi sensível aos riscos e adotou medidas severas de controle.

As notícias aqui publicadas são pesquisadas diariamente em diferentes fontes e transcritas tal qual apresentadas em seu canal de origem. O Instituto Socioambiental não se responsabiliza pelas opiniões ou erros publicados nestes textos. Caso você encontre alguma inconsistência nas notícias, por favor, entre em contato diretamente com a fonte.