VOLTAR

É proibido nascer!

Porantim (Brasília - DF)
Autor: QUEIROZ, Antônio Carlos
30 de set de 1982

Reportagem sobre a discussão em torno do caso Everon, a índia que teve seu corpo esterilizado através de um processo médico que ocorreu sem autorização da Funai. Entre outros pontos, a reportagem comenta a limitação de natalidade induzida entre populações indígenas. A entidade de amparo ao índio distribuiu pílulas contraceptivas a mulheres Krenak. Já às índias Kapinawa, a distribuição de pílulas foi feita pela Bemfam.

As notícias aqui publicadas são pesquisadas diariamente em diferentes fontes e transcritas tal qual apresentadas em seu canal de origem. O Instituto Socioambiental não se responsabiliza pelas opiniões ou erros publicados nestes textos. Caso você encontre alguma inconsistência nas notícias, por favor, entre em contato diretamente com a fonte.