VOLTAR

Acusações do Tribunal são vagas, diz Nobre da Veiga

Cidade de Santos (Santos - SP)
02 de dez de 1980

Nobre da Veiga, presidente da Funai, afirma que são vagas e sem expressividade as acusações feitas à política indigenista brasileira pelo Tribunal Russel Bertrand, em relação ao caso Juruna e ao caso dos Nambikwara, que tiveram suas terras cortadas pela rodovia Cuiabá-Porto Velho.

As notícias aqui publicadas são pesquisadas diariamente em diferentes fontes e transcritas tal qual apresentadas em seu canal de origem. O Instituto Socioambiental não se responsabiliza pelas opiniões ou erros publicados nestes textos. Caso você encontre alguma inconsistência nas notícias, por favor, entre em contato diretamente com a fonte.