VOLTAR

Sem terra e marginalizados

Porantim (Brasília - DF)
01 de nov de 1984

Relatos de lideranças e pajés Tingui-botó, sobre as situações de conflito e desamparo da Funai, são apresentados pelo Porantim. Parte da reivindicação dos indígenas é a demarcação de área imemorial para a prática do ritual do Ouricuri.

As notícias aqui publicadas são pesquisadas diariamente em diferentes fontes e transcritas tal qual apresentadas em seu canal de origem. O Instituto Socioambiental não se responsabiliza pelas opiniões ou erros publicados nestes textos. Caso você encontre alguma inconsistência nas notícias, por favor, entre em contato diretamente com a fonte.