VOLTAR

Reserva do Arvoredo é tema de livro que oferece uma visita à área protegida

G1 - http://g1.globo.com/
23 de ago de 2017

Com fotografias, infográficos e aquarelas, livro é um convite a conhecer a reserva biológica em Santa Catarina.

Durante quatro anos, cerca de 140 pesquisadores realizaram várias expedições à Reserva Biológica Marinha do Arvoredo (Rebio Arvoredo). A coleta de dados e os levantamentos biológicos e oceanográficos resultaram em muitos relatórios, teses e artigos científicos. Agora, a beleza e a biodiversidade do Arvoredo também podem ser apreciadas em um livro de linguagem simples, repleto de fotografias, infográficos e aquarelas.

Criada em 1990, a Rebio Arvoredo fica entre Florianópolis e Bombinhas, em Santa Catarina. Na época, era visitada por mergulhadores recreativos. Atualmente, é uma área de proteção máxima restrita a pesquisadores.

O livro "Monitoramento Ambiental da Reserva Biológica Marinha do Arvoredo e Entorno" é uma forma de conhecer este grande patrimônio ambiental brasileiro. No País, existem apenas duas Reservas Biológicas marinhas. A Arvoredo é a única costeira. A outra, o Atol das Rocas, fica a mais de uma centena de quilômetros da costa Nordeste do Brasil.

Organizado por Bárbara Segal, Andrea Santarosa Freire, Alberto Lindner, João Paulo Krajewski e Marcio Soldateli, o livro tem 268 páginas. Os textos, escritos a partir de constatações científicas, são escritos em linguagem acessível ao público leigo e se completam por imagens em aquarela e infográficos.

Os estudos realizados ao longo de quatro anos por pesquisadores alertam para os riscos da ação humana, mostram os principais problemas que envolvem a reserva e apontam para a necessidade de proteção da área. De acordo com os estudos, a pesca ilegal e a poluição são as maiores ameaças para a Unidade de Conservação, que ocupa 17,6 mil hectares.

Durante as expedições, exemplares de coral-sol foram identificados e reportados às instituições ambientais, que os retiraram da área. A espécie invasora não tem predador natural, prolifera-se rapidamente, ocupa o espaço das populações locais e coloca a reserva em risco. Com a ação, a situação foi dada como controlada.

A versão digital do livro está disponível para download no site do projeto e pode ser baixada gratuitamente.

http://g1.globo.com/sp/campinas-regiao/terra-da-gente/noticia/reserva-d…

As notícias aqui publicadas são pesquisadas diariamente em diferentes fontes e transcritas tal qual apresentadas em seu canal de origem. O Instituto Socioambiental não se responsabiliza pelas opiniões ou erros publicados nestes textos. Caso você encontre alguma inconsistência nas notícias, por favor, entre em contato diretamente com a fonte.