VOLTAR

Quando será o dia do índio?

O Popular (Goiânia-GO)
Autor: Jorge M. Silva Terena
16 de mai de 1995

Jorge M. Silva Terena, técnico em Assuntos Culturais do ministério da Cultura, escreve sobre a história do contato da civilização europeia, representada pela chegada de Pedro Álvares de Cabral, com as sociedades nativas desse território que foi chamado de Brasil, como os povos de língua Aruak, originários das planícies colombianas e venezuelanas e que se dispersaram por toda a região brasileira, e os povos do tronco linguístico Macro-Jê, que representaram grande resistência e luta contra a invasão portuguesa.
Jorge também relata a situação atual dos territórios indígenas demarcados, que, segundo dados da Fundação Nacional do Índio, 84% destas terras sofrem graves interferências de todos os tipos. Para ele, essa cobiça pelas terras indígenas se dá pelo interesse econômico que há na preservação da biodiversidade, isto é, pelo valor que os recursos naturais têm para o mundo.

As notícias aqui publicadas são pesquisadas diariamente em diferentes fontes e transcritas tal qual apresentadas em seu canal de origem. O Instituto Socioambiental não se responsabiliza pelas opiniões ou erros publicados nestes textos. Caso você encontre alguma inconsistência nas notícias, por favor, entre em contato diretamente com a fonte.