VOLTAR

Projeto Pró-Espécies realiza Análise de Efetividade das Medidas de Conservação para Espécies Ameaçadas

WWF - https://www.wwf.org.br/
Autor: Mariana G. Menezes
26 de out de 2018

Projeto Pró-Espécies realiza Análise de Efetividade das Medidas de Conservação para Espécies Ameaçadas
26 Outubro 2018

Mariana G. Menezes

Brasília, 26 de outubro de 2018. A Estratégia Nacional para Conservação de Espécies Ameaçadas de Extinção - Pró-Espécies realizou, de 15 a 19 de outubro, a 2o Oficina de Análise de Efetividade dos Instrumentos de Conservação para a Fauna e Flora. Em setembro deste ano também foi realizada a oficina de Invertebrados Terrestres e Aquáticos Continentais. A reunião, coordenada pelo Ministério do Meio Ambiente, contou com a participação de especialistas em flora e fauna de órgãos ambientais e pesquisadores acadêmicos.

A apresentação da metodologia de análise teve como objetivo validar, refinar e alinhar esforços para gerar uma visão estratégica nas ações de conservação de espécies ameaçadas de extinção que ainda carecem de instrumentos para sua proteção.

A Estratégia Nacional considerou instrumentos de conservação e sua efetividade para a proteção das espécies e seus habitat, como Unidades de Conservação e outras áreas protegidas, Planos de Ação Nacional (PANs), regulamentação relacionada às cavernas, medidas de ordenamento pesqueiro, convenções internacionais, etc.

Os especialistas, além de aplicarem a metodologia para avaliação dos níveis de proteção das espécies, contribuíram com considerações para dar mais enfoque e robustez aos indicadores utilizados na metodologia, considerando as particularidades de cada grupo taxonômico.

Após a aplicação e o aprimoramento da metodologia espera-se um maior entendimento das necessidades de cada espécie ameaçada de extinção, indicando as urgências e prioridades de ação para a conservação. O projeto Pró-Espécies tem como meta estabelecida que, até 2022, todas as espécies criticamente em perigo estejam cobertas por algum instrumento de conservação.

Sobre o projeto Pró-Espécies

A Estratégia Nacional para Conservação de Espécies Ameaçadas de Extinção (Pró-Espécies - Todos contra a extinção) é uma iniciativa do Ministério do Meio Ambiente (MMA), financiada pelo Fundo Mundial para o Meio Ambiente (GEF, da sigla em inglês para Global Environment Facility Trust Fund). Coordenada pelo Departamento de Conservação e Manejo de Espécies (DESP/MMA), é implementada pelo Fundo Brasileiro para a Biodiversidade (Funbio) sendo o WWF-Brasil a agência executora dos recursos.

O projeto Pró-Espécies tem como objetivo adotar ações de prevenção, conservação, manejo e gestão para minimizar as ameaças e o risco de extinção de espécies integrando união, estados e municípios na implementação de políticas públicas em pelo menos 12 áreas-chave de 13 estados (MA, BA, PA, AM, TO, GO, SC, PR, RS, MG, SP, RJ e ES), que totalizam 9 milhões de hectares.

O Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade (ICMBio), Jardim Botânico do Rio de Janeiro (JBRJ), Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (Ibama) e órgãos estaduais de Meio Ambiente dos estados supracitados são parceiros do projeto.

https://www.wwf.org.br/informacoes/noticias_meio_ambiente_e_natureza/?u…

As notícias aqui publicadas são pesquisadas diariamente em diferentes fontes e transcritas tal qual apresentadas em seu canal de origem. O Instituto Socioambiental não se responsabiliza pelas opiniões ou erros publicados nestes textos. Caso você encontre alguma inconsistência nas notícias, por favor, entre em contato diretamente com a fonte.