VOLTAR

Organizações indígenas e ribeirinhas assinam carta de apoio a Fundo Amigos da Amazônia

G1 - https://g1.globo.com
21 de nov de 2019

Fundo criado para captar recursos em prol de ações de conservação e desenvolvimento sustentável da Amazônia recebe apoio de 20 entidades.

Organizações indígenas e ribeirinhas assinaram na noite desta quarta-feira (20), em Manaus, uma carta de apoio ao Fundo Amigos da Amazônia, um fundo lançado em setembro com objetivo de captar recursos financeiros em prol de ações de conservação e desenvolvimento sustentável da Amazônia, em meio ao estado de emergência que vive a região.

Vinte entidades assinaram o documento, entre elas a Coordenação das Organizações Indígenas da Bacia Amazônica (COICA), a Rede de Soluções para o Desenvolvimento Sustentável da Amazônia (SDSN-Amazônia) e a Fundação Amazonas Sustentável (FAS).

A assinatura da carta aconteceu durante o XXIII Encontro de Lideranças, um evento organizado pela FAS em parceria com a Secretaria de Estado de Meio Ambiente (Sema) que reúne em Manaus, durante uma semana, mais de 60 lideranças indígenas e ribeirinhas de todas as regiões do Estado para uma extensa programação de debates, palestras, mesas redondas e capacitações.

"Esse é um momento histórico e simbólico por estarmos criando uma ação concreta. O Encontro de Lideranças é uma oportunidade única para a assinatura da carta e adesão das associações indígenas e ribeirinhas ao Fundo Amigos da Amazônia. Esse fundo é um mecanismo inovador para captar recursos privados voltados para a redução do desmatamento e a melhoria da qualidade de vida das populações tradicionais e indígenas da Amazônia e hoje tivemos o apoio de diferentes instituições que representam esses povos", ressaltou Virgílio Viana, coordenador da SDSN-Amazônia e superintendente-geral da FAS.

Tuntiak Katan, indígena equatoriano e presidente da COICA, uma organização que coordena outras nove organizações indígenas da bacia amazônica, incluindo a brasileira Coiab, e que já havia assinado o Fundo Amigos da Amazônia, reforçou a importância da união dos povos para conservar o meio ambiente e desenvolver a região.

"Quando existe aliança dos povos da floresta podemos buscar múltiplas alternativas tanto como estratégia para a defesa dos territórios e comunidades como oportunidade de cooperação em todos os aspectos, técnico, humano, institucional e financeiro. Se trabalharmos juntos, conseguiremos solucionar vários problemas".

Entidades

União dos Povos Indígenas do Vale do Javari (Univaja)
Federação Indígena do Povo Kukami-Kukamiria "Kokama" (TWRK)
Rede de Mulheres Indígenas do Amazonas - MAKIRA-ËTA
Fórum de Educação Escolar e Saúde Indígena do Amazonas (Foreeia)
Conselho Nacional de Seringueiros (CNS)
Associação de Moradores e Usuários da RDS Mamirauá Antônio Martins (Amurmam)
Central de Associações dos Moradores e Usuários da RDS Amanã (Camura)
Associação Agroextrativista do Catuá-Ipixuna (AACI)
Associação dos Extrativistas da Reserva de Desenvolvimento Sustentável Cujubim (AERDSC)
Associação dos Moradores e Usuários da RDS de Canumã (Amurdesc)
Associação Agroextrativista das Comunidades da RDS do Uatumã (AACRDSU)
Associação dos Moradores e Entorno da RDS Piagaçu-Purus (Amepp)
Associação de Moradores da RDS do Juma (Amarjuma)
Associação dos Produtores do Rio Madeira (Apramad)
Central das Associações Agroextrativistas de Democracia (CAAD)
Associação das Comunidades Sustentáveis da RDS do Rio Negro (ACSRN)
Associação de Povos e Comunidades Tradicionais da RDS Puranga Conquista (APCT)
Associação de Agroextrativistas da Floresta Estadual de Maués (Aspafemp)
Associação de Moradores Agroextrativistas do Rio Gregório (Amarge)

https://g1.globo.com/am/amazonas/noticia/2019/11/21/organizacoes-indige…

As notícias aqui publicadas são pesquisadas diariamente em diferentes fontes e transcritas tal qual apresentadas em seu canal de origem. O Instituto Socioambiental não se responsabiliza pelas opiniões ou erros publicados nestes textos. Caso você encontre alguma inconsistência nas notícias, por favor, entre em contato diretamente com a fonte.