VOLTAR

Índios ameaçam abrir guerra contra Sarney

O Dia (Rio de Janeiro - RJ)
21 de fev de 1989

O encerramento do I Encontro dos Povos Indígenas do Xingu foi marcado por muita emoção. O momento mais forte foi quando o cacique Raoni declarou: "Se o chefe de vocês, que se chama Sarney, continuar com o plano de barragens, eu vou fazer guerra contra ele". Segundo a Deputada Federal Benedita da Silva (PT-RJ) interpretou a afirmação de Raoni como uma força de expressão e um desafio ao presidente.

As notícias aqui publicadas são pesquisadas diariamente em diferentes fontes e transcritas tal qual apresentadas em seu canal de origem. O Instituto Socioambiental não se responsabiliza pelas opiniões ou erros publicados nestes textos. Caso você encontre alguma inconsistência nas notícias, por favor, entre em contato diretamente com a fonte.