VOLTAR

Estatal fará os contratos na Amazônia

Folha de S.Paulo (São Paulo - SP)
06 de abr de 1979

Ao defender a exploração de madeira da Amazônia, o ministro do Interior Mário Andreazza, revelou que sua ideia para o projeto é integrar em uma empresa pública as 12 áreas discriminadas pela Sudam, que será responsável pelos contratos de concessão a serem firmados com a iniciativa privada.

As notícias aqui publicadas são pesquisadas diariamente em diferentes fontes e transcritas tal qual apresentadas em seu canal de origem. O Instituto Socioambiental não se responsabiliza pelas opiniões ou erros publicados nestes textos. Caso você encontre alguma inconsistência nas notícias, por favor, entre em contato diretamente com a fonte.