VOLTAR

Emancipação do índio vai ser progressiva

O Estado de S.Paulo, p. 38 (São Paulo - SP)
16 de abr de 1978

O ministro do Interior, Rangel Reis, afirmou ontem que não é intenção de seu governo emancipar rapidamente os índios para tomar-lhes as terras. Ele afirmou que existem povos em diferentes situações, como os que vivem no PI do Xingu, merecendo, cada qual, um tratamento diferente. Porém, Rangel acredita que há casos de índios com curso superior, vivendo de forma totalmente integrada à sociedade nacional, e que merecem ser tratados como "cidadãos". Por fim, ele fez várias sugestões ao projeto de desenvolvimento da Amazônia, a partir da construção de estradas, da aceleração do trabalho do Incra e da colonização da região.

As notícias aqui publicadas são pesquisadas diariamente em diferentes fontes e transcritas tal qual apresentadas em seu canal de origem. O Instituto Socioambiental não se responsabiliza pelas opiniões ou erros publicados nestes textos. Caso você encontre alguma inconsistência nas notícias, por favor, entre em contato diretamente com a fonte.