VOLTAR

Carajás atacam diretor da Funai que proibiu o álcool

O Estado de São Paulo
04 de dez de 1976

Revoltados contra a proibição do consumo de cachaça, os índios Karajá da Ilha do Bananal tentaram matar o novo diretor do Parque Indígena do Araguaia, mas conseguiram apenas ferir a flechadas um funcionário da Funai, que já está fora de perigo.

As notícias aqui publicadas são pesquisadas diariamente em diferentes fontes e transcritas tal qual apresentadas em seu canal de origem. O Instituto Socioambiental não se responsabiliza pelas opiniões ou erros publicados nestes textos. Caso você encontre alguma inconsistência nas notícias, por favor, entre em contato diretamente com a fonte.