VOLTAR

Biopirataria atinge floresta amazônica

Folha de S. Paulo (São Paulo - SP)
01 de jun de 1997

Reportagem sobre alguns casos específicos de biopirataria envolvendo comunidades indígenas brasileiras em que, contrariando a recomendação da ONU, laboratórios estrangeiros têm utilizado substâncias presentes em plantas amazônicas, além também de conhecimentos indígenas, para suas produções comerciais sem pagar por isso ao país. A prática ilegal estaria rendendo milhões aos Estados Unidos.

As notícias aqui publicadas são pesquisadas diariamente em diferentes fontes e transcritas tal qual apresentadas em seu canal de origem. O Instituto Socioambiental não se responsabiliza pelas opiniões ou erros publicados nestes textos. Caso você encontre alguma inconsistência nas notícias, por favor, entre em contato diretamente com a fonte.