VOLTAR

Xocós querem ficar

O Estado de S.Paulo (São Paulo - SP)
04 de dez de 1979

Embora a decisão judicial determine a desocupação da Ilha de São Pedro em no máximo 10 dias, os indígenas da etnia Xokó se recusam a deixar o local, pois, além de não terem para onde ir, querem retomar as terras que historicamente lhes pertencem. O advogado da Fetag de Sergipe afirmou que vai recorrer da decisão judicial. A notícia também trata da extinção da Coordenação da Amazônia, realizada pelo presidente da Funai, segundo o projeto de reformulação do órgão, e da nota divulgada pela Comissão Pró-Índio manifestando preocupação com as notícias de que o parque indígena dos Yanomami não pode ser criado, devido a não liberação da área pelo Conselho de Segurança Nacional.

As notícias aqui publicadas são pesquisadas diariamente em diferentes fontes e transcritas tal qual apresentadas em seu canal de origem. O Instituto Socioambiental não se responsabiliza pelas opiniões ou erros publicados nestes textos. Caso você encontre alguma inconsistência nas notícias, por favor, entre em contato diretamente com a fonte.