VOLTAR

Vídeo: indígenas do Xingu comemoram prêmio da ONU com festa tradicional

Globo Rural https://revistagloborural.globo.com
19 de jun de 2019

No dia 5 de junho, os indígenas da etnia Khīsêtjê (pronuncia-se "kinsêdje"), da Território Indígena do Xingu, receberam uma importante premiação da ONU.

O Prêmio Equatorial é dado a cada dois anos para comunidades indígenas que adotam soluções locais e de desenvolvimento sustentável. Ao todo, 22 dessas comunidades -- entre mais de 800 inscritos -- foram premiadas em todo o mundo.

Os Khīsêtjê obtiveram o reconhecimento graças ao óleo de pequi produzido a partir de árvores utilizadas no reflorestamento. A solução foi encontrada pela Associação Indígena Khīsêtjê quando, no final dos anos 1990, os índios voltaram para seu território ancestral, que na época tinha sido desmatado por fazendeiros.

Em setembro, o prêmio será entregue em uma cerimônia em Nova York. Para comemorar, os Khīsêtjê dançaram e cantaram em uma festa Tawarana, tradicional entre eles. Veja o vídeo produzido durante a festa pela AIK.

https://revistagloborural.globo.com/Noticias/Sustentabilidade/noticia/2…

As notícias aqui publicadas são pesquisadas diariamente em diferentes fontes e transcritas tal qual apresentadas em seu canal de origem. O Instituto Socioambiental não se responsabiliza pelas opiniões ou erros publicados nestes textos. Caso você encontre alguma inconsistência nas notícias, por favor, entre em contato diretamente com a fonte.