VOLTAR

Trilhas próximas de São Paulo para você aproveitar a natureza

Pensamento Verde - http://www.pensamentoverde.com.br/
06 de mar de 2015

Quem vive em São Paulo não encontra só asfalto e edifícios. Bem próximo da cidade existem várias trilhas para ampliar o contato com a natureza. Há opções desde as mais fáceis até outras de difícil acesso.

Um exemplo para os que gostam de sossego é a Trilha do Silêncio. Localizada no Parque Estadual do Jaraguá, ela possui 800 metros - contando ida e volta - e ali perto há um riacho em meio à Mata Atlântica.

Já a Trilha da Vida está situada no Parque Ecológico do Guarapiranga e é indicada para qualquer pessoa, inclusive para quem não tem preparo físico, pois é mais um passeio do que uma trilha propriamente dita. Ao longo dos 65 metros, o contato com a natureza fica ainda maior porque o turista é guiado pelo caminho de olhos vendados e descalço.

Para quem deseja um pouco mais de aventura, uma boa opção é a Trilha do Poção, no Parque Estadual da Serra do Mar. Ao todo, são 3,5 quilômetros de percurso - mais ou menos quatro horas de duração - entre rios, corredeiras e cachoeiras, com direito a banho. A trilha só pode ser feira acompanhada de monitores.

Ainda na mesma região da Serra do Mar, quem tem fôlego vai adorar conhecer os Monumentos Históricos Caminhos do Mar. Além de contemplar a natureza, o trajeto de 16 quilômetros (ida e volta) conta com diversos monumentos históricos do século XIII, além da Baixada Santista.

O Parque Estadual da Cantareira, por sua vez, reserva a Trilha da Pedra Grande. No topo, é possível conferir o visual da cidade de São Paulo. O trajeto contém 9,6 quilômetros e é repleto de vegetação e animais.

Já a Trilha do Corisco é indicada para quem tem um ótimo preparo físico. Por estar localizado no Parque Estadual da Serra do Mar, o caminho é longo - são 20 quilômetros - e com níveis elevados de altitude que chegam a 600 metros.

http://www.pensamentoverde.com.br/dicas/trilhas-proximas-de-sao-paulo-p…

As notícias aqui publicadas são pesquisadas diariamente em diferentes fontes e transcritas tal qual apresentadas em seu canal de origem. O Instituto Socioambiental não se responsabiliza pelas opiniões ou erros publicados nestes textos. Caso você encontre alguma inconsistência nas notícias, por favor, entre em contato diretamente com a fonte.