VOLTAR

TCU aprova estudos de viabilidade de Jirau, no Madeira

Agência Estado
Autor: Gerusa Marques
09 de abr de 2008

O Tribunal de Contas da União (TCU) aprovou hoje, em plenário, os estudos de viabilidade técnica e econômica da hidrelétrica de Jirau, no Rio Madeira. O TCU sugere uma redução de R$ 6,00 no preço-teto definido para a energia que será ofertada no leilão da usina. Isto levaria o valor limite de R$ 91 o megawatt-hora (MWh), definido pelo governo, para R$ 85 o MWh. O preço final será definido amanhã em reunião da Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel), que votará o edital com as regras da licitação da hidrelétrica.

Outra usina do complexo Madeira, Santo Antônio, leiloada no ano passado, teve seu preço-teto fixado pelo governo em R$ 122 o MWh, mas o consórcio vencedor do leilão aceitou receber R$ 78,87 o MWh pela energia a ser vendida pela usina, com um deságio de 35%.

As notícias aqui publicadas são pesquisadas diariamente em diferentes fontes e transcritas tal qual apresentadas em seu canal de origem. O Instituto Socioambiental não se responsabiliza pelas opiniões ou erros publicados nestes textos. Caso você encontre alguma inconsistência nas notícias, por favor, entre em contato diretamente com a fonte.