VOLTAR

Tapirapé lutam por antiga terra

Porantim (Brasília - DF)
30 de set de 1991

Índios Tapirapé tentam recuperar as terras em que seus antepassados foram enterrados: a área indígena Urubu Branco, que está sendo utilizada como curral de engorda de gado. Desde 1952, os Tapirapé estão assentados em um Posto Indígena, onde vivem junto aos Karajá. Apesar de passados todos esse anos, os Tapirapé continuam fazendo incursões anuais a Urubu Branco em rituais de culto aos mortos.

As notícias aqui publicadas são pesquisadas diariamente em diferentes fontes e transcritas tal qual apresentadas em seu canal de origem. O Instituto Socioambiental não se responsabiliza pelas opiniões ou erros publicados nestes textos. Caso você encontre alguma inconsistência nas notícias, por favor, entre em contato diretamente com a fonte.