VOLTAR

Selo Verde

Jornal do Brasilp, p6 (Rio de Janeiro - RJ)
11 de fev de 2002

A criação de um selo verde, que ateste que o mogno cortado e exportado não causou impacto ambiental é importante, mas não é suficiente para lidar com o problema da exploração do mogno. Devem ser criadas campanhas de conscientização dos consumidores, para que a demanda do mogno seja mais baixa, bem como, pesquisar madeiras capazes de substituir o mogno.

As notícias aqui publicadas são pesquisadas diariamente em diferentes fontes e transcritas tal qual apresentadas em seu canal de origem. O Instituto Socioambiental não se responsabiliza pelas opiniões ou erros publicados nestes textos. Caso você encontre alguma inconsistência nas notícias, por favor, entre em contato diretamente com a fonte.