VOLTAR

Ricupero rebate críticas sobre demarcação

Correio Braziliense (Brasília - DF)
27 de jan de 1994

O Ministro do Meio Ambiente e da Amazônia afirmou ontem que considera uma falácia a denúncia de que a Funai estaria sendo patrocinada pelos interesses estrangeiros na demarcação das terras indígenas. Diz que é ridículo falar em internacionalização da Amazônia e sugere maior preocupação na canalização de recursos externos para financiar grandes projetos ambientais.
O despejo de 250 Guarani Kaiowá marcado para o próximo sábado foi suspenso por decisão judicial.

As notícias aqui publicadas são pesquisadas diariamente em diferentes fontes e transcritas tal qual apresentadas em seu canal de origem. O Instituto Socioambiental não se responsabiliza pelas opiniões ou erros publicados nestes textos. Caso você encontre alguma inconsistência nas notícias, por favor, entre em contato diretamente com a fonte.