VOLTAR

Revolta não está nos planos dos xavantes

O Estado de São Paulo (São Paulo-SP)
11 de jul de 1972

Segundo o sertanista Francisco Meirelles, os Xavante estão impacientes, mas caso a Funai apresse a demarcação de suas terras, o problema será contornado, pois eles querem apenas garantir a posse de seu território, que é constantemente invadido.

As notícias aqui publicadas são pesquisadas diariamente em diferentes fontes e transcritas tal qual apresentadas em seu canal de origem. O Instituto Socioambiental não se responsabiliza pelas opiniões ou erros publicados nestes textos. Caso você encontre alguma inconsistência nas notícias, por favor, entre em contato diretamente com a fonte.