VOLTAR

Professora da UFRR é nomeada pelo Papa para participar de evento em Roma

G1 - https://g1.globo.com
31 de jul de 2019

Márcia Maria de Oliveira foi nomeada como perita para participar da Assembleia Especial do Sínodo dos Bispos para a região Pan-Amazônica. Evento ocorre no mês de outubro.

Por G1 RR - Boa Vista

A professora do curso de Ciência Sociais, da Universidade Federal de Roraima (UFRR), Márcia Maria de Oliveira, foi nomeada como perita pelo Papa Francisco para participar da Assembleia Especial do Sínodo dos Bispos para a região Pan-Amazônica, que ocorre em Roma, nos dias 6 a 27 de outubro.

Em comunicado oficial à UFRR, o Papa explicou que "a nomeação se deve à trajetória de acompanhamento da professora de todo o Processo Sinodal e à sua expertise nos estudos em Sociedade e Cultura na Amazônia" área da ciência de grande relevância para o evento.

Neste ano, o assembleia tem como tema "Amazônia: Novos caminhos para a Igreja e para uma Ecologia integral", e foi organizado à pedido das Conferências Episcopais da Pan-Amazônia, preocupadas com a questão da devastação da floresta amazônica e da ameaça aos povos indígenas.

Até chegar à assembleia especial, Márcia Maria participou da elaboração dos dois documentos sinodais e, nesta última etapa deve contribuir com a elaboração do documento final, a exortação apostólica, que será assinada pelo Papa Francisco e conterá orientações sobre a caminhada da igreja na Pan-Amazônia.

Ao todo, quase 100 mil pessoas foram ouvidas simultaneamente nos nove países que compõem a Pan-Amazônia. Todo o material coletado foi recolhido, sistematizado e transcrito de forma sintética e pedagógica em um documento de trabalho.

https://g1.globo.com/rr/roraima/noticia/2019/07/31/professora-da-ufrr-e…

As notícias aqui publicadas são pesquisadas diariamente em diferentes fontes e transcritas tal qual apresentadas em seu canal de origem. O Instituto Socioambiental não se responsabiliza pelas opiniões ou erros publicados nestes textos. Caso você encontre alguma inconsistência nas notícias, por favor, entre em contato diretamente com a fonte.