VOLTAR

Pescadores são libertados por índios em Mato Grosso

Folha de São Paulo
09 de Nov de 1998

Os índios do Parque Indígena do Xingu (MT), libertaram os seis pescadores que estavam sendo mantidos como reféns por terem invadido o Parque pelo rio Arraias. Os índios, das etnias Kaiabi, Suruí e Juruna (Yudjá), concordaram em liberar os reféns em troca da promessa da presença, no Parque, do presidente da Funai, Sulivan Silvestre.

As notícias aqui publicadas são pesquisadas diariamente em diferentes fontes e transcritas tal qual apresentadas em seu canal de origem. O Instituto Socioambiental não se responsabiliza pelas opiniões ou erros publicados nestes textos. Caso você encontre alguma inconsistência nas notícias, por favor, entre em contato diretamente com a fonte.