VOLTAR

Passarinho quer reserva Yanomami para exploração

Correio Braziliense (Brasília - DF)
13 de ago de 1991

O presidente Fernando Collor presidiu mais uma reunião setorial sobre a conferência Rio-92 e a problemática da Amazônia. À saída da reunião, o ministro da Justiça, Jarbas Passarinho, defendeu a exploração econômica das terras dos Yanomami. Para isso, esclareceu, a atual legislação (que impede a atividade) deverá ser mudada, por meio de decreto, com aval do Congresso Nacional. Ele explicou que os resultados econômicos da exploração de terras (mineral, florestal ou agrícola) deverão ser revertidos em benefício dos próprios indígenas.

As notícias aqui publicadas são pesquisadas diariamente em diferentes fontes e transcritas tal qual apresentadas em seu canal de origem. O Instituto Socioambiental não se responsabiliza pelas opiniões ou erros publicados nestes textos. Caso você encontre alguma inconsistência nas notícias, por favor, entre em contato diretamente com a fonte.