VOLTAR

Paraíba do Sul será desbravado

OESP, Vida, p. A9
27 de fev de 2006

Paraíba do Sul será desbravado
Expedição irá à nascente do rio e criará um parque

João Carlos de Faria

Uma expedição técnica às nascentes do Rio Paraíba do Sul está sendo preparada pelo Movimento Nascentes do Paraíba, entidade ambientalista com sede em Lorena, no Vale do Paraíba. O coordenador do projeto, Lázaro Tadeu Ferreira da Silva, que assume o personagem Zé do Paraíba em eventos da região, disse que o objetivo é conscientizar a população sobre o potencial histórico, cultural e turístico da bacia do Paraíba do Sul para o desenvolvimento regional e educação ambiental.
A expedição vai começar em Paraibuna, no dia 17, no ponto onde antes de construída a represa, em 1975, as águas dos Rios Paraibuna e Paraitinga se encontravam, dando início ao Rio Paraíba. "A proposta é transformar o local no Parque Encontro das Águas do Paraíba", explicou Lázaro.
O ponto alto da expedição será no dia 22, quando os ambientalistas, acompanhados por representantes de órgãos técnicos estaduais, subirão 1.800 metros de altitude até a que é considerada a nascente mais distante do Paraíba do Sul, em Areias, Serra da Bocaina. "Faremos uma carta ambiental para oficializar o fato. E um parque para marcar e preservar as nascentes", disse o ambientalista.
A expedição passará por São José dos Campos, Guaratinguetá, Queluz, Cruzeiro e Lorena, e também irá à nascente do Rio Paraibuna, outro afluente do Paraíba, na cidade de Cunha. A proposta é criar infra-estrutura para receber escolas e excursões para educação ambiental.
A ONG fará um dossiê sobre a expedição, com as condições ambientais encontradas em um raio de 50 metros. A primeira expedição com esse objetivo ocorreu em 2002, em Cunha, para desenvolver o mesmo trabalho na nascente do Rio Paraibuna.
O engenheiro do Departamento de Águas e Energia Elétrica (Daee), Nazareno Mostarda Neto, elogiou a expedição e disse que a ação do Movimento deve favorecer a preservação da Bacia Hidrográfica do Paraíba do Sul.

OESP, 27/02/2006, Vida, p. A9

As notícias aqui publicadas são pesquisadas diariamente em diferentes fontes e transcritas tal qual apresentadas em seu canal de origem. O Instituto Socioambiental não se responsabiliza pelas opiniões ou erros publicados nestes textos. Caso você encontre alguma inconsistência nas notícias, por favor, entre em contato diretamente com a fonte.