VOLTAR

Padre defende a preservação da cultura indígena

Diário do Nordeste, p. 21 (Fortaleza - CE)
Autor: ALMEIDA, Mozarty
20 de abr de 1997

Coordenador da Pastoral Indigenista, o padre Lino Allegri defende que tanto a luta pela terra, como a luta pelo direito indígena de viver como tal, só serão possíveis a partir do reconhecimento e da preservação da cultura desses povos. A Pastoral apoia projetos de educação indígena entre os povos do Ceará, auxiliando os Tapeba e os Tremembé a utilizarem o espaço da escola para transmitir sua cultura aos mais jovens. A reportagem também trata da atuação das mulheres indígenas na luta pela demarcação de terras e das doenças causadas nas crianças Tapeba devido à poluição do rio Ceará.

As notícias aqui publicadas são pesquisadas diariamente em diferentes fontes e transcritas tal qual apresentadas em seu canal de origem. O Instituto Socioambiental não se responsabiliza pelas opiniões ou erros publicados nestes textos. Caso você encontre alguma inconsistência nas notícias, por favor, entre em contato diretamente com a fonte.