VOLTAR

Operação Atarawaca/Arco de Fogo apreende 15 caminhões em um final de semana no MA

Ibama - www.ibama.gov.br
Autor: Christian Dietrich
03 de ago de 2009

Desde sábado (1o de agosto) duas barreiras de fiscalização montadas pela Operação Atarawaca/Arco de Fogo nas localidades de Estaca Zero e Vitória do Mearim, no oeste do Maranhão, resultaram na apreensão de 15 carretas que transportavam ilegalmente madeira serrada. As barreiras funcionam 24 horas para coibir o transporte ilegal de madeira, que muitas vezes é proveniente de unidades de conservação e Terras Indígenas na região. Somente no final de semana, as multas aplicadas superam os R$ 90 mil e foram apreendidos de cerca de 300 m³ de madeira serrada.

O Ibama, a Polícia Federal, a Polícia Rodoviária Federal e a Força Nacional de Segurança trabalham em conjunto na operação Atarawaca/Arco de Fogo, que combate o desmatamento e a exploração ilegal de madeira no Maranhão, na região da Reserva Biológica de Gurupi e das Terras Indígenas Awa-Guajá, Caru, Alto Turiaçu e Araribóia, onde o avanço dos crimes ambientais ameaça populações indígenas e a integridade da unidade de conservação.

Desde o início da operação, no dia 13/7, foram efetuadas oito prisões, sendo duas pela apresentação de documentos ideologicamente falsos que servem para acobertar o transporte de madeira explorada ilegalmente, uma por tentativa de corrupção ativa contra fiscal do Ibama e cinco por caça ou comércio de carne de animais silvestres.

As notícias aqui publicadas são pesquisadas diariamente em diferentes fontes e transcritas tal qual apresentadas em seu canal de origem. O Instituto Socioambiental não se responsabiliza pelas opiniões ou erros publicados nestes textos. Caso você encontre alguma inconsistência nas notícias, por favor, entre em contato diretamente com a fonte.