VOLTAR

Ministro suspende demarcação de reserva

Zero Hora (Porto Alegre-RS)
10 de jul de 1992

O ministro da Justiça, Célio Borja, sustou uma portaria do próprio Ministério, que determinava a demarcação de 270 hectares para os índios Kaingang, em Iraí. A suspensão se deve a uma reivindicação do município, que tem como fonte principal de receita o turismo baseado num balneário de água termais, localizados na área reivindicada pelos indígenas.

As notícias aqui publicadas são pesquisadas diariamente em diferentes fontes e transcritas tal qual apresentadas em seu canal de origem. O Instituto Socioambiental não se responsabiliza pelas opiniões ou erros publicados nestes textos. Caso você encontre alguma inconsistência nas notícias, por favor, entre em contato diretamente com a fonte.