VOLTAR

MinC extingue órgão de apoio ao índio

Correio Braziliense (Brasília-DF)
25 de abr de 1987

O Ministério da Cultura, a partir de uma decisão conjunta do ministro Celso Furtado e do titular da Secretaria de Atividades Sócio Culturais, Magnus Pereira, extinguiu a Gerência de Projetos Indígenas, coordenada por Marcos Terena, que foi dispensado.
Terena declarou que estava descontente há algum tempo com o rumo da gerência, alegando que existia incompatibilidade de método de trabalho entre ele e Magnus, que criticou os projetos apresentados pela gerência como superficiais, além de informar que a extinção do órgão é provisória e os projetos indígenas do MinC serão retomados no futuro.

As notícias aqui publicadas são pesquisadas diariamente em diferentes fontes e transcritas tal qual apresentadas em seu canal de origem. O Instituto Socioambiental não se responsabiliza pelas opiniões ou erros publicados nestes textos. Caso você encontre alguma inconsistência nas notícias, por favor, entre em contato diretamente com a fonte.