VOLTAR

Manguezal no fundo da baía está sendo destruído

O Globo
Autor: Paulo Roberto Araújo
25 de dez de 1998

Espremido entre vazadouros clandestinos de lixo e a poluição, o manguezal da APA de Guapimirim no fundo da Baía de Guanabara, está sofrendo novas agressões: as construções ilegais que têm surgido à margem da Rodovia Niterói-Manilha. Apesar de a região estar dentro da APA, sinalizada por placa do Ibama e os manguezais serem protegidos por lei federal, os invasores continuam derrubando a vegetação e aterrando o mangue aos poucos. Segundo o Batalhão Florestal da PM, a retirada de madeira para a construção civil e fornos de cerâmica é o principal problema da APA de Guapimirim.

As notícias aqui publicadas são pesquisadas diariamente em diferentes fontes e transcritas tal qual apresentadas em seu canal de origem. O Instituto Socioambiental não se responsabiliza pelas opiniões ou erros publicados nestes textos. Caso você encontre alguma inconsistência nas notícias, por favor, entre em contato diretamente com a fonte.