VOLTAR

Mais 13 presos no Norte

O Globo, O País, p. 13
20 de dez de 2006

Mais 13 presos no Norte
Ações investigavam comércio ilegal de madeira

A Polícia Federal desencadeou ontem mais duas operações de combate a crimes ambientais: uma contra a extração e o comércio ilegal de madeira no Pará, com oito presos no estado e um no Maranhão; e outra na BR-319, no Amazonas, para coibir a ação ilegal de madeireiros. Quatro pessoas foram presas na segunda operação .

A Operação Renascer, realizada no Pará e no Maranhão, contou com cem policiais federais para cumprir dez mandados de prisão e 23 de busca e apreensão expedidos pela Justiça Federal de Santarém. Um acusado está foragido.

Entre os presos há empresários do setor madeireiro, policiais militares e engenheiros florestais. Todos são acusados de formação de quadrilha, corrupção ativa, corrupção passiva e diversos crimes ambientais, como extração, transporte e venda de madeira ilegal.

A Operação Maçaranduba percorreu a BR-319 desde Manaus rumo ao interior amazonense para investigar denúncias de que madeireiros estavam extraindo material de áreas irregulares. Quatro empresários foram presos. Uma das serrarias investigadas foi multada pelo Ibama em R$ 216.457,20.

O Globo, 20/12/2006, O País, p. 13

As notícias aqui publicadas são pesquisadas diariamente em diferentes fontes e transcritas tal qual apresentadas em seu canal de origem. O Instituto Socioambiental não se responsabiliza pelas opiniões ou erros publicados nestes textos. Caso você encontre alguma inconsistência nas notícias, por favor, entre em contato diretamente com a fonte.