VOLTAR

Lixão afeta saúde de reserva indígena

Zero Hora (Porto Alegre-RS)
Autor: Adreane Becker
06 de dez de 1997

Um depósito de lixo a céu aberto, em Ibiraiaras, é foco de problemas para a população, especialmente para a comunidade indígena de Monte Caseros, a três quilômetros do lixão. Além de ser difícil controlar as crianças para que não brinquem no lixo, a comunidade utiliza o rio próximo para tomar banhos, o que tem provocado doenças. O cacique comunica que já entraram em contato com a prefeitura, mas nada foi feito.

As notícias aqui publicadas são pesquisadas diariamente em diferentes fontes e transcritas tal qual apresentadas em seu canal de origem. O Instituto Socioambiental não se responsabiliza pelas opiniões ou erros publicados nestes textos. Caso você encontre alguma inconsistência nas notícias, por favor, entre em contato diretamente com a fonte.