VOLTAR

Justiça Federal suspende implantação de hidrovia

A Gazeta (Cuiabá/MT)
19 de jun de 1997

A Justiça Federal do Mato Grosso determinou a suspensão de qualquer obra de implantação da hidrovia Araguaia-Tocantins. A decisão judicial atendeu ao pedido liminar formulado pelos Xavante, em ação movida pelo Instituto Socioambiental.

A decisão de suspensão da hidrovia Araguaia-Tocantins não foi bem recebida por todos. Segundo o prefeito de Água Boa, a questão de a hidrovia passar em terras indígena não pode ser considerada motivo para embargá-la. "O rio é federal e o transporte hidroviário não afeta o meio ambiente".
Segundo o EIA/RIMA do próprio empreendimento, ainda que incompleto segundo críticas, impactos como erosão, contaminação de águas, alterações hidrológicas e até o "desvirtuamento" de tradições culturais e étnicas são previstas.

As notícias aqui publicadas são pesquisadas diariamente em diferentes fontes e transcritas tal qual apresentadas em seu canal de origem. O Instituto Socioambiental não se responsabiliza pelas opiniões ou erros publicados nestes textos. Caso você encontre alguma inconsistência nas notícias, por favor, entre em contato diretamente com a fonte.