VOLTAR

Juruna

Porantim
Autor: Mario Juruna
01 de jun de 1985

Sobre matéria publicada no mesmo jornal, em seu último número, a respeito da viajem de representantes da Comissão do Índio da Câmara à Juara, Mato-Grosso, o deputado federal Mário Juruna esclarece em carta ora publicada alguns pontos que considera equívocos. Em primeiro lugar, diz ele não ter defendido em momento algum qualquer acordo dos índios com os construtores da Usina. Em segundo, esclarece que seu propósito em relação a questão das terra ocupadas pelos Apiaká e Kaiabi sempre foi de apoiá-los e de ouvi-los, sendo isto comprovado por carta enviada às principais autoridades.

As notícias aqui publicadas são pesquisadas diariamente em diferentes fontes e transcritas tal qual apresentadas em seu canal de origem. O Instituto Socioambiental não se responsabiliza pelas opiniões ou erros publicados nestes textos. Caso você encontre alguma inconsistência nas notícias, por favor, entre em contato diretamente com a fonte.