VOLTAR

Índios vendem artesanato na 130

Correio do Povo-Porto Alegre-RS
28 de dez de 2001

Caingangues montaram um pequeno acampamento

Lentamente, 13 barracas de índios caingangues já foram montadas ao longo da RS 130, no trevo de acesso secundário a Lajeado. Vieram de reservas indígenas de Nonoai e de outros municípios próximos para vender artesanato no período das festas de final de ano. Estevão Nascimento, 65 anos, chegou de ônibus com a família, de Sarandi, para tentar negociar nessa época. 'Nós vamos embora depois do Ano-Novo', destaca.

As notícias aqui publicadas são pesquisadas diariamente em diferentes fontes e transcritas tal qual apresentadas em seu canal de origem. O Instituto Socioambiental não se responsabiliza pelas opiniões ou erros publicados nestes textos. Caso você encontre alguma inconsistência nas notícias, por favor, entre em contato diretamente com a fonte.