VOLTAR

Índios Tembé pedem fim das invasões

O Liberal
21 de ago de 1992

Passados já 47 anos da publicação do decreto que reservava aos índios Tembé uma áres de 287 mil hectares, a reserva Alto Rio Guamá, as terras continuam sendo palco de conflitos e invasões. Cansados de esperar, oito índios Tembé vão hoje a Brasília onde até o próximo dia 30 pretendem cobrar medidas concretas dos orgãos federais. No momento, eles esperam em Belém, onde discutem a agenda a ser cumprida na viagem. Segundo técnica da superintendência da Delegacia Regional da Funai, a iniciativa partiu dos próprios índios. Lá, em Brasília, os representantes dos Tembé tentarão audiência com representantes da Coordenadoria de Patrimônio Indígena da Funai; irão também à Secretária do Meio Ambiente, ao Tribunal Regional Federal, à Procuradoria Geral da República e ao Congresso Nacional.

As notícias aqui publicadas são pesquisadas diariamente em diferentes fontes e transcritas tal qual apresentadas em seu canal de origem. O Instituto Socioambiental não se responsabiliza pelas opiniões ou erros publicados nestes textos. Caso você encontre alguma inconsistência nas notícias, por favor, entre em contato diretamente com a fonte.