VOLTAR

Índios ajudam pesquisa a queimar várias etapas

Gazeta Mercantil (São Paulo - SP)
18 de jun de 2002

Pesquisadores apostam no conhecimento dos índios e caboclos sobre a biodiversidade amazônica como nova fonte para descobertas e aprimoramento de produtos de consumo em larga escala. Algumas tecnologias desenvolvidas pelos habitantes das florestas e rios reduzem procedimentos científicos e geram ganhos em tempo e dinheiro à instituições de pesquisa.

As notícias aqui publicadas são pesquisadas diariamente em diferentes fontes e transcritas tal qual apresentadas em seu canal de origem. O Instituto Socioambiental não se responsabiliza pelas opiniões ou erros publicados nestes textos. Caso você encontre alguma inconsistência nas notícias, por favor, entre em contato diretamente com a fonte.