VOLTAR

Igreja não opina no Estatuto do Índio

O Estado de S.Paulo (São Paulo - SP)
28 de jul de 1972

A presidência da CNBB e a Comissão Episcopal de Pastoral decidiram dar um voto de confiança aos legisladores que irão discutir e votar o Estatuto do Índio. Por esse motivo, a Confederação não elaborará nenhum documento substitutivo ao projeto de Estatuto que irá ao Congresso em agosto. A matéria traz mais informações definições da Igreja Católica e do Cimi, em relação à questão indígena e a outras questões.

As notícias aqui publicadas são pesquisadas diariamente em diferentes fontes e transcritas tal qual apresentadas em seu canal de origem. O Instituto Socioambiental não se responsabiliza pelas opiniões ou erros publicados nestes textos. Caso você encontre alguma inconsistência nas notícias, por favor, entre em contato diretamente com a fonte.