VOLTAR

ICMBio nega uso de retardante de fogo dentro da APA estadual

((o))eco -http://www.oeco.org.br//
Autor: Duda Menegassi
27 de out de 2020

Notificado pela Secretaria de Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável (Semad) do estado de Goiás no dia 14 de outubro, o ICMBio negou o uso de retardantes de fogo dentro da Área de Proteção Ambiental (APA) de Pouso Alto. A unidade de conservação é estadual e circunda o Parque Nacional da Chapada dos Veadeiros, onde o produto químico foi usado, e havia preocupado a Secretaria o possível uso indevido - e sem autorização - também na APA, já que não há consenso técnico sobre os possíveis impactos ambientais do retardante na água, solo, fauna e flora da região.

A resposta à Secretaria, assinada pelo chefe do parque, Luís Henrique Neves, foi curta e objetiva "informamos que não houve lançamento de retardante químico no interior da APA de Pouso Alto".

((o))eco obteve acesso ao ofício de resposta por meio da assessoria da própria Semad, já que, também questionadas por ((o))eco, as assessorias do ICMBio e do Ministério do Meio Ambiente não responderam.

https://www.oeco.org.br/noticias/icmbio-nega-uso-de-retardante-de-fogo-…

As notícias aqui publicadas são pesquisadas diariamente em diferentes fontes e transcritas tal qual apresentadas em seu canal de origem. O Instituto Socioambiental não se responsabiliza pelas opiniões ou erros publicados nestes textos. Caso você encontre alguma inconsistência nas notícias, por favor, entre em contato diretamente com a fonte.