VOLTAR

Guaranis se preparam para matar ou morrer

O Liberal (Belém-PA)
22 de mai de 1996

Um grupo de 200 Guarani Kaiowá está ameaçando cometer suicídio coletivo, caso sejam despejados da Fazenda São Miguel (Juti-MS) pela polícia, cuja ação foi liberada pela Justiça Federal.

As notícias aqui publicadas são pesquisadas diariamente em diferentes fontes e transcritas tal qual apresentadas em seu canal de origem. O Instituto Socioambiental não se responsabiliza pelas opiniões ou erros publicados nestes textos. Caso você encontre alguma inconsistência nas notícias, por favor, entre em contato diretamente com a fonte.