VOLTAR

Goldemberg critica projeto do Incra

OESP, Nacional, p. A10
17 de jun de 2006

Goldemberg critica projeto do Incra

O secretário de Meio Ambiente do Estado de São Paulo, José Goldemberg, manifestou preocupação com o projeto do Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária (Incra) de assentar 100 famílias na Fazenda Vitória, município de Apiaí, no Vale do Ribeira. Ele argumenta que o assentamento pode causar "graves impactos" aos recursos naturais da região. A área, de 7,7 mil hectares, já foi adquirida pelo órgão federal.

De acordo com laudo do Departamento Estadual de Proteção de Recursos Naturais (DEPRN), cerca de 80% do imóvel estão cobertos pela Mata Atlântica. "A implantação de um assentamento nessas condições põe em risco a conservação do solo e dos recursos hídricos", disse Goldemberg. "A remoção da cobertura vegetal em encostas com inclinação acentuada aumenta a vulnerabilidade aos processos erosivos e intensifica o transporte de sedimentos para os leitos dos cursos d'água, o que poderá assoreá-los."

O laudo do DEPRN também indica que grande parte do imóvel apresenta solos com capacidade de uso totalmente incompatível com a agricultura. Além disso, o imóvel objeto do projeto do Incra situa-se em área vizinha ao Parque Estadual e Turístico do Alto Ribeira (Petar), que abriga um dos principais conjuntos de grutas e cavernas do País.

OESP, 17/06/2006, Nacional, p. A10

As notícias aqui publicadas são pesquisadas diariamente em diferentes fontes e transcritas tal qual apresentadas em seu canal de origem. O Instituto Socioambiental não se responsabiliza pelas opiniões ou erros publicados nestes textos. Caso você encontre alguma inconsistência nas notícias, por favor, entre em contato diretamente com a fonte.