VOLTAR

Funai admite que índio pede esmola

O Estado de S.Paulo, p. 16 (São Paulo - SP)
09 de mar de 1974

A Funai reconheceu que existem problemas graves ocorrendo entre os indígenas Panará, que se locomovem até a estrada Cuiabá-Santarém para mendigar, em um contato perigoso com os caminhoneiros. Informou que o órgão já está elaborando um plano de desenvolvimento comunitário que será aplicado junto a esse povo. O sertanista Apoena Meirelles, magoado com as críticas ao seu trabalho, voltou a afirmar que os contatos entre indígenas e não-indígenas são inevitáveis, sendo necessário preparar os índios para esse processo. A notícia também aborda a vinda da princesa e do príncipe de Orleans para devolver aos Cinta larga algumas rochas esculpidas que foram doadas a um imperador brasileiro.

As notícias aqui publicadas são pesquisadas diariamente em diferentes fontes e transcritas tal qual apresentadas em seu canal de origem. O Instituto Socioambiental não se responsabiliza pelas opiniões ou erros publicados nestes textos. Caso você encontre alguma inconsistência nas notícias, por favor, entre em contato diretamente com a fonte.