VOLTAR

Fim chegou pelo desmatamento

O ECO - www.oeco.com.br
03 de nov de 2009

Muitos por aí generalizam afirmando que "povos tradicionais" vivem em harmonia com a natureza e não causam impactos ambientais. É o raciocínio adotado por aqueles que acham que índios, quilombolas, caiçaras, seringueiros, ribeirinhos e a vasta seleção de "tradicionais" deve ser mantida em Unidades de Conservação ou, como querem alguns, estas devem virar quilombos e similares. A suposta vida harmônica não é algo baseado em fatos, como uma pilha de estudos científicos mostra. O mais recente mostra como a civilização Nazca do litoral do Peru (aquela das linhas que uns acreditam terem sido feitas por alienígenas) colapsou em parte graças à desertificação resultante da destruição dos bosques de huarango, uma das poucas espécies de árvore capazes de viver no deserto de Atacama.

As notícias aqui publicadas são pesquisadas diariamente em diferentes fontes e transcritas tal qual apresentadas em seu canal de origem. O Instituto Socioambiental não se responsabiliza pelas opiniões ou erros publicados nestes textos. Caso você encontre alguma inconsistência nas notícias, por favor, entre em contato diretamente com a fonte.